Pular para o conteúdo
Voltar

Pavimentação da rodovia MT-020 entra na fase final e impulsiona economia

Asfalto deve garantir o desenvolvimento de atividades como a piscicultura e o turismo, na região de Chapada dos Guimarães e Manso; obra tem previsão de conclusão para setembro.
Ivana Maranhão | Secom-MT

- Foto por: Christiano Antonucci/ arquivo Secom-MT e Sinfra-MT
A | A

As obras de pavimentação da rodovia MT-020, no município de Chapada dos Guimarães (65 km de Cuiabá) próximo ao distrito de Água Fria com acesso ao Lago de Manso, estão avançadas e entram na sua reta final. O asfaltamento de quase 50 km de estrada é uma demanda antiga da região e tende a fomentar atividades como piscicultura, turismo, mercado imobiliário, além de fornecer melhor qualidade de vida as mais de 20 mil pessoas que moram no entorno de Chapada.

“Depois desse pavimento pronto, além de estimular o turismo, essa região vai se tornar num curto espaço de tempo a maior produtora de peixes de água doce do Estado de Mato Grosso”, enfatizou o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira. O estímulo à piscicultura na região começou em 2016, porém com a pavimentação da MT-020 a atividade tende a ganhar força.

Nessa fase estão sendo asfaltados 23 quilômetros da rodovia, com previsão de término em setembro de 2019, segundo estimativa da Superintendência de Execução e Fiscalização de Obras I, da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra). Outros 23 quilômetros foram concluídos em 2016.

A obra atual está orçada R$ 16,70 milhões. Os recursos são provenientes do Programa de Desenvolvimento Sustentável do Turismo (Prodestur) e do Fundo de Transporte e Habitação (Fethab). Sua retomada integra o pacote de 114 ordens de serviços autorizadas pelo governador Mauro Mendes em março deste ano.

De acordo com a equipe de fiscalização da Secretaria Adjunta de Obras Rodoviárias, da Sinfra, até o momento 70% dos serviços previstos em contrato já foram executados. “Estamos com a obra bastante adiantada e até setembro estará concluída, podendo restar apenas os acabamentos”, explicou o secretário adjunto de Obras Rodoviárias, Nilton de Britto, que visitou o canteiro de obras nesta quinta-feira (27), ao lado do titular da Sinfra, Marcelo de Oliveira.

Para manter o ritmo, os trabalhos avançam em três frentes, o que já proporcionou a finalização dos serviços de base e sub-base em boa parte dos 23 quilômetros, bem como a imprimação, restando apenas a aplicação da capa asfáltica.

De acordo com engenheiro e superintendente de Execução e Fiscalização de Obras I, da Sinfra, Zenildo Pinto de Castro Filho, apenas em um pequeno trecho de 5 quilômetros, que trata-se de uma área de corte (terraplanagem), estão sendo finalizados os trabalhos de drenagem para passar às etapas seguintes de base, sub-base, imprimação e capa asfáltica.

Após o término da pavimentação, serão executados os serviços de drenagem superficial, com a instalação de sarjeta e meio-fio para escoamento de águas da chuva. Fechando com a sinalização.

O superintendente pontuou ainda que a pavimentação desse trecho da MT-020 é uma prioridade da Sinfra e a fiscalização vem acompanhando de perto a execução dos trabalhos. “Temos toda uma equipe da secretaria e da gerenciadora de obra que vem monitorando todo o trabalho da empresa responsável pela obra para que tudo saia de acordo com o projeto”, ressaltou ele.

Além do cuidado com todas as fases da obra, o trecho também demandou da engenharia uma atenção extra com a questão ambiental. “O terreno dessa região é bastante arenoso, então foi preciso realizar uma proteção ambiental grande”, explicou o fiscal da obra, o engenheiro José Carlos Ferreira da Silva, dizendo que o procedimento visa garantir a estabilização do solo.

Em muitas partes da rodovia foi preciso também utilizar ainda, complementa o fiscal, a técnica de instalação de colchões, que funciona como um sistema de drenagem, devido à umidade do solo, servindo como uma proteção para que a água não chegue ao pavimento.

Aprovado

O resultado tem a aprovação da população da comunidade de Água Fria. Quem trafega pela MT-020 na região de Chapada e precisa dela para trabalhar está comemorando a chegada do asfalto. O produtor rural Otávio Ferreira é uma dessas pessoas. Segundo ele, atualmente é muita poeira o que dificulta o transporte de mercadorias. “Como no caso das hortaliças não dá pra (sic) transportar. Com asfalto, a gente vai conseguir. Com certeza melhora”, comentou ele.

A aposentada Maria de Lurdes da Silva, que tem um comércio na comunidade de Água Fria, afirmou que a pavimentação da rodovia vai mudar a realidade de quem vive na região. “Acho que vai ajudar muito porque se a gente colocar um comércio bem sortido, muita gente que vem de Chapada, Cuiabá para o Lago de Manso e também pra cá vai ter o que comprar. Isso vai ajudar nas vendas”, ponderou ela, dizendo também que tornará a viagem mais segura. “Minha filha vem de moto. Com asfalto será rapidinho”, completou.