Pular para o conteúdo
Voltar

Aeroportos de Mato Grosso adotam medidas de prevenção

Os quatro aeroportos tomaram medidas para assegurar a saúde dos funcionários, passageiros e o pleno funcionamento dos setores
Karine Miranda | Sinfra-MT

Aeroportos de Mato Grosso operam normalmente e adotam medidas de prevenção - Foto por: Rafaella Zanol / Secid-MT
Aeroportos de Mato Grosso operam normalmente e adotam medidas de prevenção
A | A

O Aeroporto Internacional Marechal Rondon, em Várzea Grande, e os terminais aeroportuários dos municípios de Alta Floresta, Rondonópolis e Sinop seguem operando normalmente, porém adotaram medidas para prevenção e combate ao avanço do coronavírus (Covid-19) em Mato Grosso.

Os quatro aeroportos são administrados pela concessionária Centro-Oeste Airports (COA), sob concessão do Governo Federal, por meio do Ministério da Infraestrutura. Para promover uma ação coordenada entre os aeroportos, a concessionária elaborou um guia de orientações para assegurar a saúde dos funcionários, passageiros e o pleno funcionamento dos setores.

Além disso, adotou medidas de intensificação da higienização, com álcool 70%, das superfícies e pontos de contato frequente, como corrimão, catraca e balcão, por exemplo. Também foram instalados dispensers de álcool gel nas áreas de grande circulação. Também foi ampliada a rotina de higienização das longarinas e de limpeza de sanitários, vestiários e salas de reunião.

Já os funcionários que têm contato direto com os passageiros e superfícies potencialmente contaminadas foram orientados a usar máscaras de proteção respiratória e luvas descartáveis. Além disso, estão sendo veiculados para os passageiros, em todos os sistemas de telas das operações, bem como por meio de cartazes, com medidas de prevenção ao coronavírus. Avisos sonoros do Ministério da Saúde também estão sendo transmitidos nos sistemas de som dos aeroportos. 

Em Mato Grosso já existem dois casos confirmados da doença e 183 casos suspeitos estão sendo monitorados pela Secretaria de Estado de Saúde e pelo Gabinete de Situação, criado para realizar o monitoramento e adoção de medidas de enfrentamento de emergência contra a proliferação do coronavírus.

Para o secretário de Estado de Infraestrutura, Marcelo de Oliveira, as medidas adotadas pelos aeroportos no Estado são fundamentais para a prevenção do coronavírus, sem que haja a restrição do deslocamento dos passageiros.  “O Ministério da Infraestrutura ratificou a necessidade de que os aeroportos sigam operando normalmente e essa determinação está sendo cumprida com todas as medidas de segurança recomendadas”, disse o secretário.


Download