Pular para o conteúdo
Voltar

Governo abre 210 frentes de trabalho via Sinfra nas rodovias estaduais

Ericksen Vital | Assessoria/Sinfra-MT

Dezenas de obras começaram a ser realizadas - Foto por: Maike Toscano/Gcom-MT
Dezenas de obras começaram a ser realizadas
A | A

Ao longo de 2015, o Governo de Mato Grosso abriu 210 frentes de trabalho em rodovias estaduais beneficiando os cidadãos de todas as regiões do Estado. Sob a coordenação da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) foram realizadas diversas ações, entre elas a construção de novas estradas, início de duplicações, concretização de parcerias com municípios e reconstrução de rodovias que antes estavam repletas de buracos.

"Demos início a obras rodoviárias que contribuem com o aumento da qualidade de vida do cidadão, estimulam o desenvolvimento econômico, além de facilitar o acesso a serviços públicos, o escoamento da produção agrícola e o intercâmbio de mercadorias e pessoas”, declarou o secretário da Sinfra, Marcelo Duarte.

Todas essas ações fazem parte do programa “Pró-Estradas”, atualmente a maior iniciativa voltada a obras rodoviárias do Estado. O Pró-Estradas está dividido em obras de construção, reconstrução e  manutenção de rodovias, e integra o “Transforma Mato Grosso” lançado pelo governador Pedro Taques. 

Construção e duplicação

O Governo autorizou 41 obras de construção de rodovias. Entre as obras avançadas esta a rodovia MT-220, onde a Sinfra construiu 37 km da estrada próximo ao distrito de Americana do Norte, beneficiando os moradores dos municípios de Tabaporã, Sinop, Porto dos Gaúchos, Juara e municípios do Norte do Estado. 

Além disso, foram retomadas as duplicações das rodovias Emanuel Pinheiro (MT-251) e Palmiro Paes e Barros (MT-040), sonhos antigos das pessoas que vivem na Baixada Cuiabana. 

Reconstrução

A Sinfra também começou a reconstrução de nove rodovias que estavam deterioradas devido à falta de manutenção nos anos anteriores. 

Entre as rodovias, o Estado reconstruiu 76 quilômetros da MT-060, entre Nossa Senhora do Livramento e Poconé, e os 10 km da rodovia MT-251 entre o trevo de acesso ao Lago do Manso e o Balneário Mutuca. 

Manutenção

O Estado fez a manutenção da malha rodoviária com ações pontuais. Neste ano, a Sinfra criou as chamadas Equipes Sinfra, que taparam buracos em diversas rodovias.

A conservação e manutenção preventivas são realizadas pelas equipes da Sinfra responsáveis pelos serviços de roçada lateral das marginais das rodovias e os reparos pontuais do pavimento, conhecido como tapa-buracos. 

São oito equipes presentes nas estradas do interior. Somente na região de Rondonópolis, por exemplo, duas equipes já prestaram a manutenção pelas MTs 270, 299 e 370.

Rodovias não pavimentadas 

No caso das rodovias não pavimentadas (de chão batido), também houve uma série de ações. A Secretaria concretizou a parceria com as prefeituras para atender de forma emergencial as rodovias estaduais que cortam os municípios. 

A Sinfra fechou 117 Termos de Cooperação Técnica (TCTs) com prefeituras interessadas em auxiliar o Estado. Por meio dessas parcerias, o Governo distribuiu 2.680 milhões de litros de combustível para os municípios e, em contrapartida, as prefeituras disponibilizam a mão de obra, bem como fez a elaboração do plano de trabalho. Outros municípios ainda podem aderir. 

Confira abaixo gráfico detalhado das frentes de trabalho:

Frentes de Serviço - Rodovias Pavimentadas

Pró-Estradas Construção

41

Pró-Estradas Construção (Duplicações)

2

Pró-Estradas Reconstrução

9

Pontes de Concreto/ Metálicas

8

TCTs com Prefeituras

4

Equipes Sinfra

8

Total na Rod. Pavimentada

=>72

 

Frentes de Serviço - Rodovias Não Pavimentadas

Patrulhas Rodoviárias

21

TCTs com Prefeituras

117

TOTAL - Frentes de Serviço SINFRA   è 210