Pular para o conteúdo
Voltar

Servidores da Sinfra arrecadam 2 toneladas em alimentos

Doações serão entregues para famílias carentes

Cerca de duas toneladas de alimentos foram arrecadados pelos servidores da Secretaria de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT), em parceria com o Núcleo de Ações Voluntárias (NAV), para campanha ‘Natal para Todos’ promovida pelo Governo do Estado.

Os alimentos foram entregues na manhã desta quarta-feira (09.10), em ato na Sinfra que contou com a participação da primeira-dama de Mato Grosso, Samira Martins.Ela ficou surpresa com a quantidade de arrecadações. 

Diversas caixas com pacotes de arroz, feijão, macarrão, sal, entre outros alimentos, estavam posicionadas em frente à pasta de Infraestrutura e Logística durante a entrega. Os servidores arrecadaram o triplo da meta inicial de 700 quilos.

“É uma alegria muito grande ver este resultado, porque são famílias muito carentes que precisam muito destas doações. Vocês vão ajudar a tornar o Natal ainda mais especial para cada uma delas. Muito obrigada a todos que se empenharam para obter estas arrecadações”, disse a primeira-dama, que convidou os servidores a ajudarem a doar diretamente às famílias cadastradas pelo NAV.

O secretário da Sinfra, Marcelo Duarte, ficou igualmente surpreso pela quantidade de alimentos. “Os nossos servidores se superaram. A partir de uma intensa ação de mobilização, conseguiram arrecadar uma quantidade expressiva de alimentos, que vão ajudar muitas famílias neste Natal. Quero agradecer a todos que colaboraram”, destacou.

Famílias que precisam

De acordo com dados levantados pelo NAV, por meio da Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas-MT), 511.311 famílias estão cadastradas no Cadastro Único do Estado. Deste número, 162.811 possuem a renda per capita de R$ 77 a R$ 154.

Ainda conforme o estudo, 125.362 famílias sobrevivem com a renda entre R$ 154,01 a meio salário mínimo, e outras 110.046 contam com a renda acima de meio salário mínimo, que corresponde a R$ 788.

“Mais ou menos um terço da população se encontra em situação de vulnerabilidade. E a partir desta campanha de arrecadação de alimentos esperamos mudar para melhor o Natal de cada uma delas”, destacou a primeira-dama.